Desafio na Gerência e Representação de Dados em Simulações Numéricas

Quem: 

Fabio Porto

Onde: 

Praia de Botafogo, 190 - sala 317

Quando: 

18 de Maio de 2017 às 16h

O crescente aumento da capacidade computacional em máquinas HPC fomenta o desenvolvimento de simulações cada vez mais refinadas. Simulações complexas, no entanto, envolvem um conjunto informacional enorme se tornando um empecilho para o avanço da área. No laboratório DEXL do LNCC temos estudado esse problema sob várias óticas. Primeiramente, investigamos a representação de simulações como Hipóteses e técnicas que possam estabelecer uma ordem parcial entre hipóteses científicas. Neste sentido, utilizamos representações em bancos de dados probabilísticos como ferramenta para expressão da incerteza envolvida em cada modelo. Por outro lado, o interesse em visualizar e analisar os resultados de simulações em regiões do espaço-tempo oferecem outros desafios que encontram suporte em bancos de dados multi-dimensionais. Nesta palestra, apresentarei os avanços que obtivemos nesses temas e desafios que estamos enfrentando atualmente.

*Texto informado pelo autor. 

Palestrante: 

Fabio Porto é Doutor e Mestre em Informática pela PUC-Rio (1997 e 2001) . Foi pesquisador senior da EPFL, na Suíça, entre 2004 e 2009. Desde 2009 é pesquisador no Laboratório Nacional de Computação Científica onde coordena o Laboratório de Dados Extremos DEXL-Lab. Fabio Porto foi Coordenador Geral do Simpósio Brasileiro de Banco de Dados em 2015 e é o Coordenador Geral do 44 Int'l Conference on Very Large Data Bases, a acontecer em agosto de 2018, no Rio de Janeiro. Seu interesse em pesquisa está no desenvolvimento de algoritmos, técnicas e métodos para análise de grandes volumes de dados. Tem projetos com o Observatório Nacional, em Astronomia, em Óleo e Gas, na Petrobras, e em ciência do esporte com o Comitê Olímpico Brasileiro.